Viagem ao Planalto Central (2ª parte)

A guerra aqui caíu em força. Uma pequena ideia do que realmente houve no Huambo
Guerra1
Guerra2
Guerra3
Mas a reconstrução ocorreu e continua.
Guerra4
E nem mesmo as estátuas cravejadas de balas foram abandonadas ou desperdiçadas
Estatuas
Arranjaram um cantinho para elas do outro lado do Jardim da Cultura
Parque
Mesmo ao lado deste belo edifício
Pink
Pois estas e algumas outras fotos só foram tiradas porque as reuniões foram sendo adiadas duas vezes no mesmo dia e para o dia seguinte. Resultado: andei uma boa parte do dia a correr dum lado para o outro para arranjar um sítio onde fizessem a impressão dumas apresentações (que só ficaram prontas no dia seguinte), arranjei umas bolhas nos pés porque já não estava habituado a andar de sapatinho de sola (já não tinha disto desde o tempo da tuna), mas ainda arranjei umas horas à tarde para passear pela cidade e tirar estas fotos.
Vou colocar mais algumas e deixo a promessa doutras bem interessantes para mais tarde (isto de postar fotos pela Unitel é brincadeira :P).
CasaEcologica
Ah, o Huambo pretende transformar-se na 1ª Cidade Ecológica de Angola. Já tem algumas iniciativas bem interessantes como a Casa Ecológica e a separação dos resíduos, ainda em fase experimental.
Jardins
Têm um cuidado exemplar com os jardins, coisa que ainda não tinha visto noutra cidade angolana.
Sé
Pronto, fico-me com a Sé Catedral e a Igreja de Nossa Senhora de Fátima.
Igreja
Amanhã há mais.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Pessoais e transmissíveis. ligação permanente.

8 respostas a Viagem ao Planalto Central (2ª parte)

  1. Bibbas diz:

    Belas fotos…lembrei-me do Huambo e do episódio de amor que me aconteceu por essas terras… que um dia prometi contar as minhas melhores amigas…qd ficarmos o velhinhas…já falta pouco Kianda!!!heheh

  2. engricky diz:

    Olha que deve ser uma história bem interessante, uma de amor nestas terras. Conheço algumas, mas os pormenores são escassos e fugidíos.
    Se quer algo bem feito faça você mesmo. Vou ter que utilizar a máxima 😛

  3. kianda diz:

    ou o livro Bibbas … quem sabe aos 50 a história vira livro … pq velhinhas, velhinhas, ainda falta uns coxes … só lá pros 70’s 😉
    O baile sempre a bumbar eng?! hum… muito nices as pics … tenho q trocar de baile 😉

  4. engricky diz:

    Baile bala, bala 😉 É das mãos que tiram as fotos e não do telemóvel em si 😀
    Livros de estórias de amor angolanas? Eu compro!

  5. Bibbas diz:

    Hum, até ja tem titulo:)…”Dilemas do Planalto” heheheh

  6. kianda diz:

    Epá tb não abuses … é livro de estória de amor angolana … é só uma estória … porque se fosse plural (de todas nós) dava enciclopédia, um livro só não chegava 🙂

  7. Miguel A. diz:

    Parabéns, está uma reportagem bem esgalhada. Conto lá ir lá para meados do mês que vem, ou seja, daqui a umas 5 semanas.

    Só me falta arrajnar uma máquina: dei a minha à minha filha, estragou-se a dela, e nestas coisas, quem se lixa é o mexilhão…

  8. engricky diz:

    Hehe.
    Por acaso ando mesmo down, em termos de originalidade e vocabulário. Tenho umas fotos porreiras da vinda, mas o texto não quer sair. Pode ser que quando me apanhar na Tuga me venha a inspiração 😛

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s